Postado em 20 de Maio às 17h25

Credioeste: 20 anos contribuindo no desenvolvimento do microcrédito

Conselheiros, colaboradores e parceiros da Credioeste – agência de microcrédito comemoram na última semana o aniversário de 20 anos da instituição. Fundada em 19 de maio de 1999, a Credioeste está presente em Chapecó e região atuando no fortalecimento das microfinanças destinadas aos empreendedores de pequeno porte. Além da comemoração, também foram entregues, em parceria com o Viveiro Florestal da Unochapecó, mudas de árvores à comunidade.
A Credioeste é uma instituição sem fins lucrativos criada para atender empreendedores formais e informais com o intuito de apoiar o desenvolvimento dos pequenos negócios, mantendo e gerando postos de trabalho, ocupação e renda por meio da concessão de crédito para capital de giro, capital fixo e capital misto. A instituição utiliza metodologia própria para o microcrédito oportunizando aos seus clientes visitas de agentes de crédito para identificar as necessidades e orientar sobre o uso do crédito.
O presidente da Credioeste Ivonei Barbiero destacou a contribuição de todos aqueles que participaram da construção dessa história. “Em 20 anos foram realizadas aproximadamente 22 mil operações e R$ 75 milhões de recursos disponibilizados. Muito mais do que o valor financeiro, é gratificante para a Credioeste contribuir para a mudança de vida das pessoas. Muitos são os empreendedores que começaram e cresceram junto com a agência de microcrédito e isso é o que de mais valioso nós temos”, afirmou.
O secretário de desenvolvimento econômico e turismo de Chapecó, Marcio Ernani Sander, prestigiou o evento e salientou a importante contribuição que a agência de microcrédito tem para o desenvolvimento econômico do município. “A Credioeste teve, tem e continuará tendo um papel fundamental na vida dos microempreendedores, daqueles que buscam uma oportunidade para abrirem seus próprios negócios. No último ano identificamos, por meio de uma parceria com o Sebrae/SC com a Sala do Empreendedor, um crescimento de 300% no número de microempreendedores e a Credioeste tem sido um impulsionador desse desenvolvimento”.
O conselheiro da Credioeste representante da Facisc, Vincenzo Mastrogiacomo¸ reforçou quea Credioeste foi criada para melhorar a qualidade de vida dos empreendedores que não tinham acesso ao crédito, oportunizando o crescimento em seus negócios. “Ao longo desses 20 anos milhares de pessoas foram atendidas criando novos postos de emprego. O trabalho da Credioeste se expandiu em Chapecó e região por meio de uma atuação transparente, forte e séria contribuindo no desenvolvimento econômico dos municípios em que está presente. Isso é resultado do esforço de pessoas que estão doando seu tempo para melhorar a vida de outras pessoas”. 
Segundo o gerente regional oeste do Sebrae/SC Enio Albérto Parmaggiani, a Credioeste, assim como o Sebrae/SC, estimula o empreendedorismo e o desenvolvimento das empresas, fortalecendo a geração de emprego e renda. “A Credioeste surgiu de demandas não atendidas de acesso ao crédito dos pequenos empreendimentos que, na década de 90, ressentiam-se de atendimento. Como apoio de berço para o surgimento de organização de microcrédito, novidade mundial, várias organizações apresentaram-se no apoio, dentre elas o Sebrae, Badesc, Amosc, universidades e governança empresarial da região. Alicerçada em trabalho voluntário, constituída com um grupo de profissionais e acompanhados de perto pela sociedade, através dos representantes das organizações, a Credioeste evolui e atende cada vez mais e melhor hoje também os microempreendedores individuais (MEI’s)”.
ATUAÇÃO
A Credioeste é certificada pelo Ministério da Justiça como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) e habilitada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) como Instituição de Microcrédito Produtivo e Orientado. A regulamentação e a autorização de funcionamento está de acordo com a Lei 9.790. A Assembleia Geral é formada por 12 entidades e 10 conselheiros independentes e o quadro de colaboradores conta com 20 profissionais (gerência, agentes de créditos, administrativo e financeiro).
Com sede em Chapecó, a instituição conta com outros três postos avançados de atendimento nos municípios de Pinhalzinho (SC), Nonoai (RS) e Passo Fundo (RS). A área de atuação inclui os 22 municípios da Associação dos Municípios do Oeste de Santa Catarina (Amosc), além de 12 cidades do Rio Grande do Sul: Alpestre, Gramado dos Loureiros, Nonoai, Planalto, Rio dos Índios, Trindade do Sul, Faxinalzinho, Três Palmeiras, Benjamin Constant, Passo Fundo, Marau, Erval Grande e Tapejara.

Veja também

No Extremo Oeste: Sebrae/SC lança nesta quinta-feira projetos na área do leite e bioeconomia07/08 Dois importantes projetos do Sebrae/SC serão lançados nesta quinta-feira (8) no Extremo Oeste catarinense. Um deles é o de Bioeconomia que será apresentado às 9h30 na Câmara de Vereadores de Guarujá do Sul. A iniciativa conta com a parceria da Cooperativa de Produtos da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Cooperflor) e da Prefeitura. O outro evento,......
Mercomóveis 2019: Tendências, perspectivas e negócios07/08 Os expositores da Mercomóveis 2019 estão otimistas vislumbrando negócios e boas perspectivas para o mercado de madeira e móveis. A feira reunirá mais de 100 marcas do setor no período de 19 a 22 de agosto. O evento......
Seminário da Unoesc traz Ricardo Amorim03/05 Um dos economistas mais respeitados do Brasil, Ricardo Amorim palestrará no V Seminário de Desenvolvimento de Lideranças, dia 9 de julho, no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo de Nes, em Chapecó, com início......

Voltar para (Blog)