Postado em 12 de Abril às 18h09

Lançado Programa Cidade Empreendedora em Abelardo Luz

Evento reuniu lideranças políticas e institucionais, empresários e comunidade 

O programa Cidade Empreendedora foi lançando, nessa semana, pela Prefeitura de Abelardo Luz, no Oeste catarinense, em parceria com o Sebrae/SC. A iniciativa tem por objetivo planejar, desenvolver e implementar ações para promover o desenvolvimento econômico com aproveitamento das oportunidades locais. O evento contou com a presença de lideranças políticas e institucionais, empresários e comunidade.
A programação contou com explanação do gerente regional Oeste do Sebrae/SC, Enio Albérto Parmeggiani, que explicitou o conjunto de 35 soluções criadas para melhorar o ambiente de negócios e implantar um plano de desenvolvimento com a participação dos agentes econômicos locais – empresários, produtores rurais, microempresas, associações e entidades empresariais. “Com o programa, o Sebrae e a Prefeitura apostam em um processo de avaliação, reflexão e estruturação de política de ações e projetos que possam elevar o nível de sustentabilidade e competitividade da comunidade, seja âmbito de aspectos econômicos ou na preparação das pessoas para que possam atingir seus objetivos”.
Parmeggiani também reforçou o trabalho que será desenvolvido com foco nas micro e pequenas empresas e aos microempreendedores individuais (MEIs) – categoria que atualmente soma 544 no município. “Temos uma preocupação em atender o universo das empresas e empreendedores que querem investir em um negócio. Se estamos aqui hoje é porque encontramos apoio na governança local para que possamos cumprir melhor nossa missão. Por isso, investimos em um programa que é referência no País”.
O secretário de administração de Abelardo Luz, Nelson Francisco Martini, enfatizou que o programa representa uma oportunidade para o município crescer e se desenvolver. “Pensamos em preparar Abelardo Luz para o crescimento em todos os setores e a adesão ao projeto é um estímulo e uma maneira de planejar o futuro de forma organizada. Temos diversas potencialidades que precisam ser exploradas e o Sebrae vem para nos ajudar”, observou. Segundo ele, o município possui aproximadamente 18 mil habitantes e tem a agricultura como principal atividade econômica, com destaque para a produção de semente de soja de alta qualidade, além de diversos segmentos que podem ser trabalhados e potencializados.
O evento também contou com a participação do vice-presidente da Câmara de Vereadores de Abelardo Luz, Tiago Kosinski, e da Diretora de Gestão da Prefeitura e Gestora do projeto Cidade Empreendedora Fernanda Facco que também destacaram a importância da iniciativa para promover o desenvolvimento local. “Temos duas mil famílias da agricultura familiar, agronegócio forte que ostenta o título de capital nacional da semente da soja, entre outros aspectos. O que precisamos é atrair investidores e esse programa veio para desburocratizar e nos mostrar caminhos para crescer. Esperamos que traga o desenvolvimento que a comunidade merece”, completou Kosinski.
O prefeito Wilamir Cavassini salientou que o investimento no Cidade Empreendedora oportuniza, especialmente aos empreendedores e aos empresários, que tenham a qualificação necessária para obter o sucesso esperado e disputar o mercado que está cada vez mais competitivo. “A iniciativa é muito importante para o município porque temos muitas potencialidades para aproveitar tanto no que se refere ao empreendedorismo, quanto na gestão pública local visando uma gestão com mais competência e com melhor atendimento aos servidores e população. Além disso, oportuniza uma importante capacitação aos nossos jovens estudantes para que tenham uma melhor preparação para o futuro. Vamos sim fazer a diferença”, observou.
Programa Cidade Empreendedora
Elaborado e desenvolvido pelo Sebrae/SC, o Programa Cidade Empreendedora permite que os municípios instituam estratégias e avancem em ações práticas que visem apoiar e fomentar o desenvolvimento econômico local. Para isso, é feita a implantação de soluções de impacto nos eixos de desburocratização, lideranças, sala do empreendedor, compras públicas, educação empreendedora, estudos e pesquisas, planejamento estratégico da gestão municipal, gestão de projetos e plano de desenvolvimento econômico. Um diferencial é que a responsabilidade pelo desenvolvimento local é distribuída entre diferentes atores locais, com atuação dentro da estrutura pública e da sociedade civil organizada, que em conjunto com os gestores municipais pensam e estruturaram o desenvolvimento econômico desejado para o município. 

Veja também

Sebrae/SC e ACIC promovem curso de Gestão Financeira em Concórdia19/06 O SEBRAE/SC e a Associação Empresarial de Concórdia (ACIC) promovem no período de 9 a 12 de julho, das19 às 23 horas, o curso Gestão Financeira, em Concórdia. A iniciativa tem por objetivo sensibilizar e informar o empresário sobre a importância de conhecer e utilizar as informações geradas pela contabilidade como ferramenta para controlar e......

Voltar para (Blog)