Postado em 05 de Julho às 16h39

Palestras em escolas educam sobre perigos do mau uso da internet

Atividades foram realizadas pelo projeto Intervalo Unoesc com participação do Sou Digital

O projeto Sou Digital, iniciativa articulada pela Associação Polo Tecnológico do Oeste Catarinense (Deatec), em parceria com a Mangold Assessoria Jurídica, Mágica Filmes, To Rocket e BRSIS Tecnologia Web, foi convidado a contribuir com o Projeto Intervalo Unoesc. Foram realizadas palestras em escolas de Chapecó e região sobre os perigos que circulam na internet e as consequências diante do uso inadequado da mesma.
O projeto Intervalo Unoesc ocorreu durante o primeiro semestre letivo de 2019 com a promoção de diversas ações nas escolas. A iniciativa surgiu da parceria da universidade com a Gerência Regional de Educação (Gered) e atendeu estudantes do Ensino Fundamental e Médio. Foram desenvolvidas atividades como jogos gigantes, robótica, júris simulados, palestras, dentre outras.
As palestras do projeto Sou Digital foram ministradas pelos especialistas em Direito Digital Fernando Mangold e Sandra Lúcia Maltauro e buscaram conscientizar os estudantes sobre o uso responsável da tecnologia da informação e comunicação, com ênfase à internet. Foram abordados temas como riscos de manter contato com desconhecidos em jogos e redes sociais, compartilhamento de informações pessoais, formas de abusos e aliciamentos no meio online, cyberbullying, nudes, deep web, dentre outros. As palestras aconteceram em paralelo aos júris simulados que foram conduzidos pelos acadêmicos do curso de Direito da Unoesc Chapecó. A temática dos júris simulados foi sobre o massacre de Suzano, ocorrido em 13 de março de 2019, na Escola Estadual Professor Raul Brasil, no município de Suzano, no estado de São Paulo.
De acordo com os especialistas, atualmente crianças e adolescentes têm cada dia mais facilitado o acesso ao mundo digital, seus benefícios e, também, todas as suas armadilhas. “Os perigos da internet são hoje uma das maiores preocupações de pais e educadores. Sendo assim, o Projeto Sou Digital parabeniza a Unoesc Chapecó pela iniciativa e agradece imensamente a oportunidade de compartilhar conhecimentos sobre um tema tão relevante”.
Nesta primeira fase, o Projeto Intervalo Unoesc atendeu aproximadamente 1.217 alunos das seguintes instituições: Escola de Educação Básica Coronel Lara Ribas, Escola de Educação Básica Professora Luiza Santin, Escola de Educação Básica Druziana Sartori, Colégio Dinâmico, Escola de Educação Básica Marechal Bormann, Escola de Educação Básica Professora Zélia Scharf e Escola de Educação Básica Pedro Maciel. As ações continuarão no segundo semestre.

Veja também

Fort Atacadista entrega Troco Solidário de R$ 40 mil à APAE de Chapecó26/07 O Fort Atacadista Chapecó entregou o segundo cheque do Projeto Troco Solidário nesta sexta-feira (26) à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE). Durante seis meses o valor arrecadado chegou a R$ 40.201,00 e foi entregue ao presidente da APAE Leandro Ugolini. O projeto é desenvolvido pelo Fort desde 2007 e já soma mais de R$ 9 milhões destinados para......
Dores musculares são aliviadas com tratamento por ondas de choque08/05 Aplicado com um moderno aparelho que emite ondas de choque acústicas que se propagam pelo tecido até a região dolorida, o tratamento por ondas de choque é um método terapêutico alternativo que apresenta importantes......
Evite estresse: planeje sua rotina e cuide melhor da saúde25/01 O período mais calmo, comum no início do ano, oportuniza momentos de reflexão e planejamento para que a rotina normal de volta às aulas, trabalho e demais afazeres do dia a dia não se tornem estressantes e prejudiciais......

Voltar para (Blog)