Postado em 17 de Maio às 15h55

NESTE SÁBADO: Vinte e cinco casais dizem “sim” no Casamento Cooperado em Erechim

Cerimônia será realizada pela Fundação Aury Luiz Bodanese e Aurora Alimentos 

A Fundação Aury Luiz Bodanese e a Cooperativa Central Aurora Alimentos promovem neste sábado (17) o sonho de 25 casais no Casamento Cooperado de Erechim (RS). O evento terá início às 17h30 na Igreja Matriz com a cerimônia católica e no CTG Sentinela da Querência com a evangélica, no mesmo horário. Na sequência, todos os casais se reúnem para jantar e festa no CTG.
O Casamento Cooperado integra uma das atividades do Programa Amigo Energia que, segundo a coordenadora do programa Débora Peres Mendes, por meio do incentivo voluntário em prol da comunidade, desenvolve ações de responsabilidade pessoal e social, na busca por um ambiente de boas práticas a fim de proporcionar troca de experiências, valorização pessoal e o bem-estar de todos.
A presidente da Fundação Aury Luiz Bodanese Isabel Cristina Machadoressalta que oficializar a união, além de ser um direito previsto a todos, é a realização de um momento importante. “É gratificante para a Fundação Aury Luiz Bodanese e a Aurora Alimentos participarem desse dia que é planejado nos mínimos detalhes para que tudo ocorra de maneira única para cada casal”
REALIZANDO SONHOS
Silvinho Mierzwinski eLetícia Bukoski que estão à espera da pequena Mirella, realizarão o grande sonho do casamento. O casal se conheceu no Frigorífico Aurora de Erechim (FAER I) onde ambos trabalham. O noivo conta que foi amor à primeira vista.
“Quando ela começou a trabalhar me encantei com sua beleza e simpatia. Costumo dizer que a conversa que tivemos foi única e especial. Naquele momento tive certeza que ela seria minha futura esposa e mãe dos meus filhos”, relembra. Silvinho e Letícia estão juntos há pouco mais de um ano e esperam ansiosos pelo tão sonhado dia do casamento.
A história de superação de Daniel de Souza, que trabalha no Frigorífico Aurora Erechim II (FAER II),é inspiradora. Deixado em um orfanato aos oito anos junto com sua irmã, Daniel sempre precisou batalhar pelo que quis. A independência o fez aprender e crescer muito e foram as amizades ao longo do tempo que contribuíram para isso. Uma dessas amizades se tornou o grande amor de sua vida: Maria Elisabete Vieira.

Vinte anos se passaram desde o início dessa história de amor que gerou três filhos. “O dia 18 de maio mudará nossas vidas. O casamento é uma maneira de solidificar essa união. Agradecemos a Fundação Aury Luiz Bodanese, Aurora Alimentos e todas as pessoas que estão envolvidas na organização desse evento. Com certeza será um momento muito importante na vida de todos os casais”, afirma Daniel.

Veja também

Revogação de benefícios fiscais impacta o cooperativismo16/07 Por LUIZ VICENTE SUZIN - Presidente da OCESC (Organização das Cooperativas do Estado de Santa Catarina) e do SESCOOP/SC (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo)...

Voltar para (Blog)